El teatro contraataca: la reanudación del teatro político brasileño en 1990

  • Camila Hespanhol Peruchi Universidade Estadual de Campinas
  • Thaís Aparecida Domenes Tolentino Universidade Federal de Santa Catarina
Palabras clave: teatro grupal. Teatro épico. Brasil Lucha de clases.

Resumen

Este artículo tiene como tema central el tercer ciclo de politización de la dramaturgia nacional, que comenzó en 1990. Suponiendo que el arte, como producción humana, se origina en condiciones históricas específicas, el artículo pretende exponer 1) los principales hechos sociales que explican la reanudación del teatro político brasileño, 2) sus características formales que subvierten la forma dramática burguesa y 3) los principales grupos que aún operan hoy. El texto pretende ser un registro de un movimiento artístico capaz de hacer de la lucha de clases una categoría poética.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Citas

Andrade, Mário de. Café. In: Toni, Flávia Camargo. Café, uma ópera de Mário de Andrade: estudo e edição anotada (2004). São Paulo. Tese de Livre-docência do Instituto de Estudos Brasileiros da Universidade de São Paulo.

Arantes, Paulo (2012). A lei do Tormento. In: Desgranges, Flávio; Lepique, Maysa. Teatro e vida pública: o fomento e os coletivos teatrais de São Paulo. São Paulo. Hucitec.

______. (2011). Entrevista. Revista Literatura e Sociedade da Universidade de São Paulo. Volume 15.

Betti, Maria Silvia (2012). A luta do fomento: raízes e desafios. In: Desgranges, Flávio; Lepique, Maysa. Teatro e vida pública: o fomento e os coletivos teatrais de São Paulo. São Paulo. Hucitec.

Bosi, Alfredo (2006). História concisa da literatura brasileira. São Paulo. Cultrix.

Brecht, Bertolt (1978). Estudos sobre teatro. Rio de Janeiro. Nova Fronteira.

Carvalho, Sérgio de (2009). Introdução ao teatro dialético: experimentos da Companhia do Latão. São Paulo. Expressão Popular.

Costa, Iná Camargo (1996). A hora do teatro épico no Brasil. Rio de Janeiro. Paz e Terra.

______ (2012) Experimentos cênicos: um enredo. In: Desgranges, Flávio; Lepique, Maysa. Teatro e vida pública: o fomento e os coletivos teatrais de São Paulo. São Paulo. Hucitec.

Costa, Iná Camargo; Carvalho, Dorberto (2008). A luta dos grupos teatrais de São Paulo por políticas para a cultura: os cinco primeiros anos da lei de fomento ao teatro. São Paulo. Cooperativa Paulista de Teatro.

Flory, Alexandre Villibor. Apontamentos sobre a recepção de Bertolt Brecht no Brasil via Anatol Rosenfeld. Revista Pandaemonium Germanicum, 2013, Dezembro, 55-83.

Guarnieri, Gianfrancesco. (1981). O teatro como expressão da realidade nacional. Arte em Revista, n. 6., 6-9.

Kuhle wampe oder: wem gehört die welt?. (2010). [Filme]. Direção: Slatan Dudow. São Paulo. Versátil Home Vídeo.

Kurz, Robert (1993). O Colapso da Modernização. São Paulo. Paz e Terra.

Linha de montagem. (2008). [Filme]. Direção de Renato Tapajós. São Paulo. Produção de Tapiri Cinematográfica e Petrobrás.

Marx, Karl (2013). Prefácio da primeira edição. In: ______ O capital: crítica da economia política: Livro I. São Paulo. Boitempo.

Marx, Karl (2013a). O capital: crítica da economia política: Livro I: o processo de produção do capital. São Paulo. Boitempo.

Oliveira, Francisco de (2009). Entrevista. In: Carvalho, Sérgio. Atuação crítica: entrevistas da Vintém e outras conversas. São Paulo. Expressão Popular.

Pasta Jr., José Antonio (2010). Trabalho de Brecht: breve introdução ao estudo de uma classicidade contemporânea. São Paulo. Duas Cidades / Ed. 34.

Piacentini, Ney (2012). Apresentação: Para melhorar a vida das pessoas. In: Desgranges, Flávio; Lepique, Maysa. Teatro e vida pública: o fomento e os coletivos teatrais de São Paulo. São Paulo. Hucitec.

Schwarz, Roberto (1987). A carroça, o bonde e o poeta modernista. In: ______ Que horas são?. São Paulo. Companhias das Letras.

______ (1999). Sequências brasileiras: ensaios. São Paulo. Companhia das Letras.

______ (2000). Ao vencedor as batatas: Forma literária e processo social nos inícios do romance brasileiro. São Paulo. Duas Cidades / Ed. 34.

Teixeira, Francimara Nogueira (2015). In: Carnieri, Helena. Máquina adapta peça de Brecht sem engajamento. Paraná. Gazeta do Povo.

Weiss, Peter (1968). 14 Pünkte zum dokumentarischen Theater. In: ______. Dramen vol. 2. Frankfurt. Suhrkamp Verlag.

Publicado
2019-09-29
Cómo citar
Camila Hespanhol Peruchi, & Thaís Aparecida Domenes Tolentino. (2019). El teatro contraataca: la reanudación del teatro político brasileño en 1990. Religación. Revista De Ciencias Sociales Y Humanidades, 4(19), 21-29. Recuperado a partir de http://revista.religacion.com/index.php/about/article/view/489